Munique

Marcadores:

Ainda estou um pouco abalado. As imagens, as palavras, as emoções levantadas pelo mais recente filme de Steven Spielberg, Munique, são simplesmente de quebrar o coração. Depois de meses de espera até o filme chegar em DVD (não tem cinema por aqui), finalmente eu pude conferir um dos melhores filmes do ano. Spielberg mostra que sabe muito bem equilibrar filmes-pipoca, os chamados blockbusters, com obras mais pessoais, mais intimistas, voltadas para o ser humano, permeadas de sensibilidade. Munique é assim, emocionante, eletrizante, envolvente.
A trama é inspirada em fatos reais, tendo como pontapé inicial o atentado terrorista à delegação israelense nos jogos olímpicos de 1972, na cidade de Munique, na Alemanha. Radicais árabes fizeram 11 atletas de refém, tentando inutilmente negociar a libertação de presos políticos palestinos. Com as negociações frustradas, os 11 atletas foram mortos brutalmente. O fato chocou o mundo, que tinha os olhos voltados para as Olimpíadas. O filme na verdade é sobre a perseguição perpetrada pelo Mossad, o serviço secreto israelense, para matar todos os 11 homens que planejaram o ataque. A equipe de 5 pessoas encarregada de executar a missão era liderada por Avner Kaufmann (Eric Bana, de Hulk), filho de um herói de guerra. A vingança de Israel custaria mais caro para Avner que para qualquer outro, já que ele teve que se desligar totalmente do Mossad, do governo de Israel, de sua família, de seu munndo. O filme coloca em primeiro plano, além da missão em si, a dor dos homens encarregados dela. É sobre a perda da alma. É sobre o nascimento de um medo irracional, do temor de estar sempre sendo perseguido. Spielberg não poupa o espectador, desfilando cenas de grande impacto, sem jamais conseguir ser piegas. Não é um filme fácil, mas certamente é recompensador.
Dicas para assistir o filme:
  • Preste atenção em Daniel Craig, o colega loiro de Avner. Ele é simplesmente o novo 007;
  • A equipe de Spielberg é a mesma de seu maior clássico, A Lista de Schindler;
  • o filme dura nada menos que 2h 44m. Mas vale a pena!

Bom filme!

2 Comente aqui!:

  1. Malafaia disse...:

    é... apesar de que não ter conseguido assisti-lo por completo, concordo q é ótimo... mas quero ter a oportunidade de assistir mais cedo e mais acordada... BJS!!!

    OBS.: foi legal a nossa doideira de ir pro Colégio altas horas... não teve nada demais, mas foi legal...

  1. Me disse...:

    Ainda não vi Munique. Verei. Em relação ao filme "A Lista de Schindler", eu adorei!!! Faz anos que vi e continua na minha lista de preferidos. abraços, Aline

Posts relacionados

Related Posts with Thumbnails